Artigos marcados com a Tag ‘crônica’

Memórias de um apaga(dor) – a crônica


Em 17 de outubro de 2010 | por linhaseversos

Esta semana reservou-me surpresas. Nem sei se essa é a palavra exata para designar o misto de sentimentos que me envolveram em ações no magistério. Na verdade, há momentos (pontuais) em que o solo me parece tão ressequido, árido, infértil, que procuro abstrair cumprindo minimamente meu ofício. Tenho contas a pagar e um remedinho controlador […]

Tags: , , , , , , , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Linhas e Versos | Comentários (4)

Afetos, afagos, apegos


Em 18 de setembro de 2010 | por linhaseversos

De repente floresceu uma vontade de falar sobre o que vale a pena nesta vida. Pensei no meu filho: absoluto no seu poder de me fazer acreditar que a nossa cumplicidade começa no olhar, passa pela fala distinta e se estende, infinita, na ternura que nos faz mãe e filho, conquanto persista uma poeira de […]

Tags: , , , , , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Linhas e Versos | Comentários (6)

Molduras e memórias


Em 14 de agosto de 2010 | por linhaseversos

O ser humano é sensorial: sons, cheiros, sabores, toques e imagens constituem um arquivo íntimo, pessoal e intransferível. Através de uma trilha sonora, reportamo-nos a instantes que jamais caem no esquecimento. Revisitamos episódios das nossas vidas, derramamos lágrimas de saudades. Paisagens e cenários resguardam as brincadeiras da infância, encontros, viagens ou mesmo amigos de longa […]

Tags: , , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Linhas e Versos | Comentários (4)

Em tempo(s) de São João.


Em 21 de junho de 2010 | por linhaseversos

Em tempos de São João, meus sentidos revelam-se curiosamente aguçados. Existe um movimento colorido, disparado a vencer os tons sóbrios que dominam vestuários e semblantes. Sinto um frio gostoso de sentir. Um frio ora disfarçado, do tipo elegante, que torna meus passos mais firmes e imponentes, sustentando a face desbotada e o corpo desde sempre […]

Tags: , , , , , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Linhas e Versos | Comentários (2)

Pra frente, Brasil? Salve o quê? Quem?


Em 15 de junho de 2010 | por linhaseversos

Brasil: o país do futebol. O país da ginga e das grandes jogadas. Da pinga e da feijoada. Do malandro, que julga todo o resto otário. Dos feriados e dos finais de semana prolongados. De mínimos salários. De mulher avião e menino aviãozinho. De flanelinhas, camelôs e carvoeiros. De poucos artilheiros. Da cervejinha e da […]

Tags: , , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Linhas e Versos | Comentários (2)

Em (cor)das


Em 1 de maio de 2010 | por linhaseversos

Imersa em reflexões preto-e-branco, procura a xícara de café vermelha. Na penumbra, que lhe é por vezes necessária, encontra o pires verde. Passa a ponta do dedo indicador e sente a pequena parte áspera, lascada, sem aquela cor. Imagina-o humanizado, amadurecido e em vias de perverso esquecimento – não de si mesmo, mas pelos outros. […]

Tags: , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Linhas e Versos | Comentários (0)

Salve (,) Jorge!


Em 23 de abril de 2010 | por linhaseversos

Entre medalhas, orações, camisetas, palanques, festas e feijoadas, segue o batalhão, armado de fé, com seus dragões interiores adormecidos, em gavetas escondidos. Amarrados. De prontidão, canta a massa, firme na intenção de salvar Aquele em destaque. O Guerreiro que seguiu Jesus, sem renunciar um bom combate. O cavaleiro da Capadócia. O soldado das cruzadas, em […]

Tags: , , , , , ,
Arquivado em Entrelinhas, Reversos | Comentários (3)

Diante da língua adiante do dente


Em 17 de abril de 2010 | por linhaseversos

/d/: Consoante linguodental sonora; soa com obstrução, promovendo, entre língua e dentes, ora o choque ora a união. A língua, essa impetuosa, a nós serve e salva de repente. Sinuosa, feito serpente, flagra-se imprudente, desobediente, maledicente. Imersa em saliva, silencia reticente. Adormece abraçada ao alvéolo dentário – sua alcova, seu conivente. Recupera-se, hidrata-se. Desenrola-se em […]

Tags: , , , , , , ,
Arquivado em Linhas e Versos | Comentários (1)